O Sporting venceu hoje o Sporting de Espinho por 3-0, no terceiro jogo das meias-finais do campeonato nacional de voleibol, selando, assim, a presença na final, para prosseguir a luta pela defesa do título.

Depois de dois triunfos a abrir a série, os campeões não vacilaram no Pavilhão João Rocha e a jogar perante o seu público exibiram um voleibol de grande nível.

Apesar da réplica esforçada do conjunto de Espinho, a formação treinada por Hugo Silva impôs-se com os parciais de 25-17, 25-22 e 25-21.

A vontade de confirmar já a passagem à final do campeonato ficou bem patente desde as primeiras jogadas ‘leoninas'. Sustentado num jogo acutilante na rede e um serviço com bons índices de eficácia, o Sporting rapidamente construiu uma superioridade que quase nunca esteve em causa e fechou o primeiro ‘set’ aos 25-17.

Com o veterano Miguel Maia a orquestrar as operações em campo e a assinar uma atuação de excelente qualidade, os ‘leões' dominavam o encontro, mas a reação dos forasteiros chegou no ‘set’ seguinte. Sob pressão de poder despedir-se do sonho da final, o Sporting de Espinho foi à luta pelos pontos e tentou ao máximo dificultar a tarefa.

O equilíbrio marcou o segundo parcial e a experiência do Sporting só veio à tona nos derradeiros momentos, para fechar em 25-22. O campeão nacional colocava-se, então, em posição privilegiada para fechar rapidamente a partida.

Para o terceiro ato - e que seria o último do jogo -, o nível do Sporting até foi ligeiramente abaixo dos ‘sets’ anteriores.

O conjunto de Espinho pressionou, esforçou-se, mas o seu bloco nunca conseguiu travar as poderosas investidas de Dennis e Bojic, que foram importantes a construir mais um importante triunfo do Sporting.

Agora, resta aos ‘leões’ esperar por Benfica ou Fonte Bastardo, na luta pelo título.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.