O tenista Novak Djokovic, líder do ‘ranking’ mundial, foi hoje distinguido pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros da Sérvia, pela sua contribuição na promoção dos interesses do país no Mundo.

Em comunicado, o ministro dos Negócios Estrangeiros sérvio, Ivica Dacic, mostrou-se honrado por distinguir “uma lenda viva”, considerando que Djokovic é a prova de que os desportistas “são grandes embaixadores”.

“Continuarei a amar e a respeitar a Sérvia e o meu povo. Respeitarei sempre todas as nações e povos do Mundo, porque acredito que quando nos comportamos assim estamos a fazer o bem”, afirmou Djokovic, em declarações à agência de notícias Tanjug, ao receber o galardão.

O tenista, de 32 anos, ocupa a primeira posição da hierarquia mundial e tem no currículo 17 títulos do ‘Grand Slam’, o último dos quais conquistado já este ano no Open da Austrália.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.