Johann Zarco não vai correr na KTM no Mundial de MotoGP de 2020. Foi o piloto francês e a marca austríaca que chegaram a um entendimento para a rescisão do acordo.

"É oficial, não vou continuar com a KTM no MotoGP em 2020. Foi uma decisão complicada (...) Tenho a oportunidade de fazer o melhor trabalho do mundo e quer quero continuar a fazê-lo, competindo por lugares no pódio. Como profissional, vou continuar concentrado no que falta da temporada de 2019, dado o máximo e tentando melhorar", escreveu.

Zarco pediu à KTM para rescindir contrato e a marca aceitou o pedido.

Agora esta saber quem vai substituir o francês. Miguel Oliveira, a atuar na equipa satellite, poderia ser umas soluções, mas Hervé Poncharal, patrão da KTM já garantiu que o português não vai deixar a Red Bull Tech3.

Quanto ao futuro de Zarco, poderá passar pelas Superbikes.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.