O piloto português Miguel Oliveira (KTM) terminou hoje na 23.ª e penúltima posição o primeiro dia de treinos livres para o Grande Prémio de Espanha de MotoGP, que se disputa no domingo em Jerez de la Frontera.

Oliveira fez a sua melhor volta no circuito Angel Nieto na sessão da tarde, rodando em 1.39,774 minutos, a 1,865 segundos do italiano Danilo Petrucci (Ducati), o mais rápido da jornada, com 1.37,909 minutos.

De manhã, o português rodou em 1.40,313 minutos, a 2,392 segundos do mais rápido da primeira sessão, o espanhol Marc Márquez (Honda), que à tarde foi apenas o quarto classificado da nos treinos livres da quarta prova do Campeonato do Mundo de motociclismo de velocidade.

O dia foi difícil para a KTM, pois o malaio Hafizh Syarin, colega do piloto português na equipa Tech3, foi o mais lento do dia, a mais de um segundo de Oliveira.

O francês Johann Zarco, da equipa oficial KTM, foi 19.º, tendo, inclusivamente, piorado o seu registo na sessão da tarde, em que o asfalto registou temperaturas mais elevadas.

Na segunda sessão, Oliveira foi 22.º classificado, apenas 408 milésimos mais lento do que o francês, mas longe do 15.º lugar, o último pontuável em corrida.

Essa posição foi ocupada pelo italiano Andrea Iannone (Aprilia), que fez a melhor volta em 1.38,676 minutos.

A sessão teve de ser interrompida quando faltavam apenas 2.42 minutos para o final, devido às quedas do britânico Bradley Smith (Aprilia) e do checo Karel Abraham (Ducati).

Para sábado está prevista mais uma sessão de treinos livres, que antecede a jornada de qualificação, dividida em duas partes. Para a corrida de domingo são esperados quase 200 mil espetadores.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.