As equipas da Fórmula 1 estão disponíveis para prolongar a temporada até ao início de 2021, numa altura em que a organização da competição e a FIA tentam encontrar datas para a prova, depois dos primeiros GP da temporada terem sido suspensos devido ao coronavírus.

"Estamos em diálogo permanente a liberdade à FIA para definir um novo calendário. Este período sem provas deixa espaço para a possibilidade de termos de competir em agosto, caso existam condições", avançou o chefe da equipa Mattia Binotto em declarações à Sky Sport Itália.

A primeira corrida do mundial está agendada para o dia 14 de junho, no Canadá.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.