As 24 Horas de Le Mans de automobilismo, previstas para os dias 13 e 14 de junho, foram hoje adiadas para 19 e 20 de setembro devido à pandemia de Covid-19, anunciou o Automobile Club de l'Ouest (ACO).

"Esta é a medida adequada. O que está em causa neste momento é parar a disseminação do vírus", esclareceu o clube organizador, em comunicado.

Este adiamento deverá interferir com os campeonatos European Le Mans Series, Michelin Le Mans Cup e Ligier European Series, que integram o programa daquela competição, mas mais pormenores só serão revelados mais tarde.

As 24 Horas de Le Mans seriam a prova de encerramento do Mundial de Resistência, que conta com a participação regular dos portugueses Filipe Albuquerque, que lidera a categoria LMP2, e António Félix da Costa.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 200 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 8.200 morreram.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde (DGS) elevou quarta-feira o número de casos confirmados de infeção para 642, mais 194 do que na terça-feira. O número de mortos no país subiu para dois.

Dos casos confirmados, 553 estão a recuperar em casa e 89 estão internados, 20 dos quais em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI).

O boletim divulgado pela DGS assinala 5.067 casos suspeitos até quarta-feira, dos quais 351 aguardavam resultado laboratorial.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.