O norte-americano Brooks Koepka iniciou na quinta-feira a defesa no título no Campeonato PGA dos Estados Unidos de golfe igualando o recorde do campo de Bethpage Black, com 63 pancadas, para terminar o primeiro dia na liderança.

Com sete pancadas abaixo do par, graças a outros tantos 'birdies' (uma abaixo), Koepka tornou-se o primeiro jogador a marcar 63 em anos consecutivos no segundo 'major' do ano e sai da primeira volta com um 'shot' de avanço sobre o neozelandês Danny Lee e quatro em relação ao inglês Tommy Fleetwood.

Koepka, vencedor de três torneios do 'grand slam', o US Open de 2017 e 2018 e Campeonato PGA de 2018, encabeça uma vintena de jogadores que completaram os 18 buracos com registos abaixo do par (70), o que não foi o caso de Tiger Woods.

O norte-americano, que venceu o Masters de Augusta em abril, conquistando o seu primeiro 'major' em 11 anos e o 15.º da sua carreira, marcou 72 pancadas no campo situado em Farmingdale, nas imediações de Nova Iorque.

Três 'bogeys' (uma acima) e dois duplos-'bogeys' (duas) ensombraram os três 'birdies' e, em especial, o 'eagle' no buraco 4, um par 5 que o antigo número um mundial fechou em três pancadas com um 'putt' de 10 metros.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.