O ciclista português Nélson Oliveira (Movistar) subiu hoje à quarta posição da Volta a Castela e Leão, após a segunda etapa ganha novamente pelo italiano Davide Cimolai (Israel Cycling Academy).

No final dos 170,3 quilómetros, entre Fromista e Villada, Cimolai voltou a impor-se e venceu em 4:08.13 horas, o mesmo tempo do romeno Eduard Grosu (Delko Marseille Provence) e o italiano Daniele Bennati (Movistar).

Na geral, Cimolai passou a ter 18 segundos de avanço sobre o canadiano Guillaume Boivin (Israel Cycling Academy) e 18 sobre Bennatti.

Tal como na quinta-feira, Nélson Oliveira foi sexto posicionado, com o mesmo tempo, e subiu a quarto, a 21 segundos.

João Matias (Vito-Feirense) foi o melhor ciclista de uma equipa portuguesa, na 12.ª posição, a 37 segundos do vencedor, seguido do espanhol Antonio Angulo (Efapel), que na geral é o mais bem classificado dos conjuntos lusos, no 13.º lugar, a 2.12 minutos.

A Volta a Castela e Leão termina no sábado, com uma ligação entre León e Villafranca del Bierzo, num total de 151,8 quilómetros.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.