O base norte-americano Kyrie Irving, dos Brooklyn Nets, anunciou hoje que doou 1,28 milhões de euros às jogadoras da liga norte-americana de basquetebol (WNBA), que decidiram não competir, com o objetivo de ajudar a evitar problemas económicos.

“Esta plataforma (KAI Empowerment) foi criada para fornecer suporte a todos as atletas da WNBA, na esperança de aliviar parte da tensão financeira imposta durante esses tempos difíceis”, escreveu Irving, em comunicado.

As jogadoras que vão poder receber dinheiro da doação de Irving são aquelas que decidiram não jogar a temporada regular, devido à pandemia de covid-19 ou por reivindicações sociais.

Irving disse ainda que, com a ajuda das jogadoras da WNBA Natasha Cloud (Washington Mystics) e Jewell Loyd (Seattle Storm), foi mais fácil chegar a outras basquetebolistas e discutir os desafios que enfrentavam para decidir se iriam ou não competir.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.