A Alemanha vai definir o campeão de basquetebol num torneio de 10 equipas a disputar em junho em Munique, à porta fechada e com as equipas instaladas num hotel em condições similares a uma quarentena, para evitar a covid-19.

O governo regional da Baviera aceitou os planos da federação que vai regressar à competição à semelhança do que já fez no sábado o futebol, cujo modelo sanitário foi copiado pelo basquetebol.

O andebol, o voleibol e o hóquei no gelo, entre outras modalidades desportivas, deram por concluída a época, devido à pandemia.

O torneio começará com dois grupos de cinco equipas cada, sendo que posteriormente as quatro melhores jogarão eliminatórias diretas a duas mãos, até se encontrar o campeão.

As 10 equipas vão ter três semanas para se preparar, sendo que precisam de autorização das entidades sanitárias das respetivas regiões para treinar.

Durante a preparação, os jogadores poderão continuar a viver com as suas famílias e serão submetidos regularmente a testes para despistar o novo coronavírus.

Após a declaração de pandemia, em 11 de março, as competições desportivas de quase todas as modalidades foram disputadas sem público, adiadas – Jogos Olímpicos Tóquio2020, Euro2020 e Copa América -, suspensas, nos casos dos campeonatos nacionais e provas internacionais, ou mesmo canceladas.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 316.000 mortos e infetou mais de 4,7 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.