O Benfica venceu hoje fora o FC Porto 76-73, para a 10.ª e última jornada da segunda fase da liga portuguesa de basquetebol, e confirmou o bom momento que atravessa.

Com tudo decidido quanto à classificação, as duas equipas jogaram quase sempre a um ritmo baixo e só nos instantes finais é que aumentaram a intensidade do seu jogo e entusiasmaram os adeptos presentes.

O norte-americano Micah Downs, do Benfica, foi a grande figura, com 27 pontos marcados graças a uma variada gama de recursos técnicos que os 'dragões' quase nunca conseguiram contrariar.

Numa partida equilibrada, o FC Porto pagou caro o seu desacerto da linha de lances livres e correu quase sempre atrás do resultado e, a cerca de 20 segundos do fim, perdia por três pontos (76-73).

O Benfica entrou melhor e, sem forçar muito, dominou o primeiro período, que venceu por 18-20, apesar do bom desempenho do portista William Graves na luta na tabelas e dos seis pontos convertidos por Sasa Borovnjak.

O equilíbrio manteve-se até ao intervalo, Graves continuou a fazer o seu poderio físico, o FC Porto chegou a comandar o marcador por 28-24 e o Benfica, que foi para o segundo período com um cinco composto por segundas linhas, conseguiu travar o ascendente contrário.

Embora o equilíbrio se mantivesse na segunda metade, o FC Porto chegou ao fim do terceiro período com uma ligeira vantagem pontual (52-51).

No último período, as duas equipas intensificaram as suas ações, o encontro subiu de interesse e de qualidade à medida que foi caminhando para o fim e o Benfica adquiriu então uma vantagem pontual de cinco a 25,8 segundos do final (73-68), que o FC Porto já não conseguiu anular totalmente.

Os 'encarnados' vão agora defrontar o CAB Madeira na primeira eliminatória da fase final e o FC Porto medirá forçaas com o Terceira Basket, dos Açores.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.