O poste angolano Bruno Fernandes pode tornar-se, quinta-feira, no primeiro angolano a evoluir na liga norte-americana de basquetebol (NBA), caso seja escolhido no "Draft".

A cerimónia do processo de recrutamento (Draft) realiza-se às 19h00 em Nova Iorque, EUA (0h00 em Angola), com o representante nacional entre os prováveis 60 jogadores a serem recrutados para a próxima época na NBA.

O atleta, que completa 21 anos em Agosto, representou na presente temporada a Universidade Maryland, num período “brilhante”, tendo sido um dos cinco indicados para o troféu Kareen Abdul Jabbar, referente ao melhor poste da temporada.

Com 2,08 metros, Bruno Fernando destaca-se pela sua envergadura, sendo considerado por especialistas um jogador pronto, ao menos fisicamente, para as exigências da NBA.

Tornou-se num bom finalizador dentro da zona restritiva, além de bom ressaltador e com boa percentagem nos lances livres (77,9%).

Alguns sites especializados, na América, colocam o jogador, que se iniciou no 1º de Agosto, entre as escolhas para a primeira ronda do Draft, como o CBS News (28º), a NBA Draft Room (21º) e Nbadraft.net (12º).

Dos vários atletas inscritos 60 serão escolhidos pelas franquias, sendo 30 na primeira ronda e igual número na segunda.

Bruno poderá ser o primeiro angolano a competir na maior liga de basquetebol do mundo, depois de várias tentativas frustradas, como foram os casos de Gerson Monteiro (San Antonio Spurs), Victor Muzadi (Dallas Mavericks), Olímpio Cipriano (Detroit Pistons), Yanick Moreira (LA Clipers) e Carlos Morais (Toronto Raptors).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.