Retirado da competição desde os Mundiais de 2017, Usain Bolt foi convidado para a inauguração do Estádio Olímpico de Tóquio, que será um dos palcos dos próximos Jogos Olímpicos.

O ex-velocista jamaicano fez uma corrida de apresentação e mostrou estar longe da forma doutros tempos, com a imprensa internacional a apontar alguns "quilos a mais".

"Bem, não posso dizer que não corri no Estádio Olímpico de Tóquio", escreveu Bolt na legenda do vídeo que partilhou no Twitter.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.