Os portugueses Lenine Cunha e Ana Filipe conquistaram hoje três títulos mundiais nos campeonatos de atletismo de pista coberta para atletas com deficiência intelectual, que decorrem em Torun, na Polónia.

Lenine Cunha sagrou-se campeão mundial de triplo salto, com a marca de 12,62 metros, e do pentatlo, com 2.604 pontos, enquanto Ana Filipe venceu o concurso de triplo salto feminino, com 11,83 metros.

Nos 1.500 metros, Cristiano Pereira sagrou-se vice-campeão, com a marca de 4.07,71 minutos, numa prova em que Luís Pimentel foi oitavo, com 4.26,25.

Nos 400 metros masculinos, Sandro Baessa (52,98 segundos), Carlos Freitas (53,57) e Carlos Lima (54,04) garantiram presença na final, agendada para quarta-feira, enquanto na final feminina Solange Martins foi sexta, com 1.16,81 minutos.

Na quarta-feira, competem na segunda jornada nove atletas portugueses, entre os quais, de novo, Lenine Cunha e Ana Filipe, nas provas masculina e feminina de 60 metros barreiras e salto em comprimento.

Devido ao surto de coronavírus Covid-19 alguns países não marcaram presença na competição, que decorre até sexta-feira.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.