A Liga Diamante, o mais importante circuito do atletismo mundial, vai suspender as três primeiras provas da temporada, que deveriam disputar-se em abril e maio, devido à pandemia de Covid-19, anunciou hoje a World Athletics.

Em comunicado, o organismo que gere o atletismo mundial, explica que o calendário teve de ser modificado de forma a “responder à crescente crise global provocada pela pandemia” e garante que a decisão foi tomada “em articulação com os comités organizadores, autoridades locais e governos”.

As três competições canceladas são o ‘meeting’ de Doha, agendado para 17 de abril, e duas provas na China, que deveriam disputar-se em 09 e 16 de maio.

De acordo com a World Athletics, o ‘meeting’ de Xangai, previsto para 16 de maio, poderá ser adiado para 13 de agosto, podendo os outros dois ser realizados depois de 11 de setembro. “se a situação o permitir”.

O coronavírus responsável pela pandemia da Covid-19 infetou cerca de 170 mil pessoas, das quais 6.850 morreram. Das pessoas infetadas em todo o mundo, mais de 75 mil recuperaram da doença.

O surto começou na China, em dezembro, e espalhou-se por mais de 140 países e territórios, o que levou a Organização Mundial da Saúde a declarar uma situação de pandemia.

Depois da China, que regista a maioria dos casos, a Europa tornou-se o epicentro da pandemia, com quase 60 mil infetados e pelo menos 2.684 mortos, o que levou vários países a adotarem medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Em Portugal há 331 pessoas infetadas, segundo o mais recente boletim diário da Direção-Geral da Saúde, tendo-se registado na segunda-feira a primeira morte.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.