O presidente do Sporting, Frederico Varandas, falou esta quinta-feira na sessão de abertura da Cimeira das Modalidades do clube de Alvalade. A Sporting Summit vai decorrer entre hoje e sábado e tem como objetivo a "formação e troca de experiências no âmbito do treino desportivo, numa conferência direccionada, principalmente, para os titulares de cédula de treinador de desporto".

Na abertura do evento, Varandas afirmou que é "um orgulho muito grande abrir este evento onde, uma vez mais, o Sporting é pioneiro. É um evento onde estão representadas 29 das 55 modalidades do Clube, o que demonstra muito do que é a nossa identidade: ecletismo. Este é o nosso passado e a nossa história, mas também pensamos no futuro e fazendo que isso seja possível no presente. É um prazer o Sporting CP abrir as suas portas a todas as áreas do conhecimento".

O dirigente referiu que o objetivo da Cimeira é divulgar o conhecimento do Sporting, porque "quem lidera não tem medo de divulgar, quem lidera quer uma melhoria do desporto nacional porque assim, indiretamente, também nos vai obrigar a melhorar".

Falou também Vítor Pataco, presidente do IPDJ, que congratulou o Sporting pela iniciativa e acrescentou que "o Instituto valorizou a iniciativa de uma forma ímpar devido à riqueza do painel de oradores participantes".

Por fim, foi a vez de Miguel Albuquerque ter a palavra. O diretor geral das modalidades do Sporting lembrou que as modalidades não são apenas "sugadoras de dinheiro" do futebol e que dão muito orgulho ao clube.

A Cimeira do Sporting vai contar com dezenas de oradores relacionados com 29 das 55 modalidades do emblema de Alvalade. Os técnicos Leoninos Hugo Canela (andebol), Hugo Silva (voleibol), Luís Magalhães (basquetebol), Nuno Dias (futsal) e Paulo Freitas (hóquei em patins) são alguns dos oradores dos próximos dias.

Confira a sessão de abertura do Sporting Summit:

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.