A 3ª eliminatória da Taça de Portugal ficou marcada pelo afastamento de cinco equipas da I Liga frente a formações de escalões secundários, com destaque para a eliminação do Boavista e do Estoril-Praia diante de clubes do Campeonato de Portugal.

De Castelo Branco a Coimbra, passando por Ponta Delgada, Loulé ou Braga, a 3ª eliminatória da Taça de Portugal confirmou a grande competitividade das equipas do Campeonato de Portugal assim como algumas dificuldades para os conjuntos da I Liga para seguir em frente na competição.

Se no caso de Sporting e FC Porto as dificuldades para ultrapassar equipas de escalões secundários não se fez notar, a visita do Benfica ao Estádio do Algarve, em Loulé, ficou marcada pelas grandes dificuldades demonstradas pela equipa de Rui Vitória para ultrapassar o Olhanense, do Campeonato de Portugal.

Apesar das dificuldades diante do Olhanense, um golo de Gabriel Barbosa acabaria por colocar o Benfica na ronda seguinte da Taça de Portugal. No entanto, a primeira surpresa desta ronda aconteceu no Algarve com a eliminação do Estoril-Praia frente ao Farense. A equipa do Campeonato de Portugal recebeu e venceu o Estoril-Praia com um golo do ex-benfiquista Jorge Ribeiro, irmão de Maniche, e agudizou a crise da formação canarinha comandada por Pedro Emanuel.

E se no sul começaram as surpresas na 3ª eliminatória da Taça de Portugal com a eliminação do Estoril-Praia, já a norte as mesmas continuaram com a eliminação do Tondela e do Boavista diante de Leixões e Vilaverdense, respectivamente. No Minho, o Vilaverdense do terceiro escalão, derrotou o Boavista por 1-0 depois de um golo em cima do intervalo por intermédio de Rafael Vieira. A equipa de Jorge Simão não conseguiu empatar no segundo tempo e acabou eliminada pela formação minhota. Já o Leixões, do segundo escalão do futebol português, recebeu e venceu o Tondela por 3-2. A equipa de Pepa chegou ao intervalo a vencer por 1-0, e logo no arranque  do segundo tempo conseguiu dilatar a vantagem por Murilo. No entanto, 'os bébés do Mar' conseguiram reagir e empatar a 2-2 antes do final do tempo regulamentar. No prolongamento, um golo de Bruno Lamas voltou a ditar o afastamento do Tondela da Taça de Portugal diante do Leixões.

Já o Belenenses acabou por ser eliminado pelo Santa Clara na deslocação dos 'azuis do Restelo' a Ponta Delgada. A equipa comandada por Domingos Paciência foi para intervalo em desvantagem após o golo de Fernando, aos 40' minutos, mas no segundo tempo conseguiu empatar aos 50' minutos por intermédio de André Sousa. No entanto, Clemente, com um golo aos 88' minutos, deu a vitória do Santa Clara e confirmou o bom momento da equipa da II Liga.

E para fechar as supresas na 3ª eliminatória da Taça de Portugal, a Académica de Coimbra, da II Liga, eliminou o Paços de Ferreira com uma vitória por 2-1 alcançada na segunda parte do prolongamento. Antes do intervalo, a formação pacense mostrou ser mais eficaz para se colocar em vantagem por intermédio de Luiz Phellype, mas a poucos instantes para o apito final Defendi cometeu uma grande penalidade e permitiu a Nélson Pedroso levar o jogo para prolongamento, onde a Briosa acabaria por ser mais feliz com um golo de Marinho aos 108' minutos.

Em resumo, a 4 eliminatória da Taça de Portugal vai contar com um total de 13 equipas da I Liga, 11 do Campeonato de Portugal e 8 da II Liga.

Todos os resultados da 3ª eliminatória da Taça de Portugal

Oleiros (CP) - (+) Sporting (I), 2-4 (I Liga)

Lusitano de Évora (D) - (+) FC Porto (I), 0-6 (I Liga)

Vasco da Gama (CP) – (+) Vitória de Guimarães (I), 1-6 (I Liga)

União Torcatense (CP) – (+) Marítimo (I), 0-1 (I Liga)

Cova da Piedade (II) - Anadia (CP), 1-1 (1-1 ap, 4-3 gp) (II Liga)

São Martinho (CP) – (+) Sporting de Braga (I), 2-3 (I Liga)

Académico de Viseu (II) – (+) Feirense (I), 0-0 ap (3-4 gp) (I Liga) o

Olhanense (CP) – Benfica (I), 0-1 (I Liga)

Operário (CP) - Felgueiras (CP), 2-4 (Campeonato Portugal)

Amarante (CP) - Ideal (CP), 1-1 (4-5, gp) (Campeonato Portugal)

Nacional (L2) - Merelinense (CP), 4-2 (II Liga)

Vizela (CP) - Sintrense (CP), 3-1 (Campeonato Portugal)

Cesarense (CP) - Caldas (CP), 1-2 (Campeonato Portugal)

UD Leiria (CP) - Sporting de Espinho (CP), 2-0 (Campeonato Portugal)

Oliveirense (CP) - Torreense (CP), 0-0 (5-4, gp) (Campeonato Portugal)

Arouca (L2) - Coruchense (CP), 3-0 (II Liga)

Gafanha (CP) - Freamunde (CP), (gp) (Campeonato Portugal)

Praiense (CP) - Alcains (D), 4-1 (Campeonato Portugal)

Alta de Lisboa (D) - Famalicão (L2), 0-2 (II Liga)

Vilafranquense (CP) - Casa Pia (CP), 1-1 (2-1 ap) (Campeonato Portugal)

União (L2) - Oriental (CP), 3-2 (II Liga)

Sanjoanense (CP) - Rio Ave (L), 0-4 (I Liga)

Pinhalnovense (CP) - Vitória de Setúbal (L), 1-1 (1-2, ap) (I Liga)

Leixões (L2) - Tondela (L), 1-1 (3-2, ap) (II Liga)

Fátima (CP) - Chaves (L), 0-3 I Liga (I Liga)

Canelas (CP) - Moreirense (L), 1-3 (I Liga)

Santa Clara (L2) - Belenenses (L), 2-1 (II Liga)

Vila Real (D) - CD Aves (L), 0-1 (I Liga)

Farense (CP) - Estoril (L), 1-0 (Campeonato Portugal)

Moura (CP) - Portimonense (L), 0-0 (6-7, gp) (I Liga)

Vilaverdense (CP) - Boavista (L), 1-0 (Campeonato Portugal)

Académica (L2) - Paços de Ferreira (L), 1-1 (2-1 ap) (II Liga)

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.