Declarações de Paulinho à Sport TV, após o empate da sua equipa frente ao FC Porto.

Braga merecia vencer? "Fizemos por isso. Entrámos muito bem no jogo, fortes, com uma intensidade enorme, uma qualidade enorme, dignos do emblema que levamos ao peito. Estamos de parabéns pela entrega, pela atitude, mas também pelo futebol jogado, estivemos muito bem. Foi pena termos sofrido o golo naquela altura".

Entrada forte para poder entrar na eliminatória: "Sabíamos que tínhamos de pressionar alto, ir atrás do resultado, foi pena algumas decisões da equipa de arbitragem não terem sido as melhores pelo segundo jogo consecutivo frente ao FC porto. É pena, mas também não me compete a mim estar a falar nisso."

Faltou vencer? "Sabíamos que o resultado no Dragão era pesado, foi pena hoje não termos conseguido fazer o segundo golo e levar o jogo até aos últimos minutos. Ir ao Jamor era bom, mas não foi possível."

O FC Porto qualificou-se, esta terça-feira, pela 30.ª vez para a final da Taça de Portugal de futebol, ao empatar 1-1 no terreno do Sporting de Braga, no jogo da segunda mão das meias-finais. Vencedores do encontro da primeira mão, por 3-0, os 'dragões' chegaram ao intervalo a perder, devido ao golo marcado por Paulinho, aos 41 minutos, mas Danilo repôs a igualdade, aos 74.

O campeão nacional regressa à final quatro anos depois da última presença, na qual foi batido precisamente pelo Sporting de Braga no desempate por grandes penalidades (4-2, após 2-2 no prolongamento).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.