O Torino venceu hoje por 2-0 o AC Milan, para a 34.ª jornada da Liga italiana de futebol, que tem já como virtual campeã a Juventus, e entrou na luta pelo acesso às competições europeias de 2019/20.

Andrea Belotti, na conversão de uma grande penalidade, aos 58 minutos, e o espanhol Alex Berenguer, aos 69, foram os marcadores dos golos do Torino, que não vencia o AC Milan para o campeonato desde 2001.

O AC Milan caiu para o quinto lugar, tendo sido ultrapassado pela Roma, que soma mais dois pontos e subiu ao quarto posto, e foi apanhado pelo Torino, que soma os mesmos 56. Também com 56 pontos, mas com menos um jogo, encontra-se ainda a Atalanta, que na segunda-feira recebe a Udinese.

O Nápoles, com Mário Rui no banco, ficou mais perto de assegurar o segundo lugar ao vencer no terreno do Frosinone, por 2-0, numa partida em que o belga Dries Mertens igualou os 81 golos do argentino Diego Maradona pelos napolitanos na Série A.

Mertens e Maradona estão agora empatados no terceiro lugar da tabela dos principais goleadores do Nápoles, atrás da ‘estrela’ croata da década de 1930 Antonio Vojak, com 102 golos, e do mais recente eslovaco Marek Hamsik, com 100.

O belga, aos 19 minutos, e o alemão Amin Younes, aos 49, marcaram os golos do Nápoles, que passou a somar 70 pontos, mais oito do que o Inter Milão, terceiro, que no sábado empatou 1-1 com a Juventus, que lidera com 18 pontos de avanço.

O Frosinone segue no 19.º e penúltimo lugar e pode ver já confirmada a descida de divisão nesta ronda se a Udinese, primeira equipa acima da linha de despromoção, com 33 pontos, vencer a Atalanta.

A Lázio, com Pedro Neto e Bruno Jordão no banco, venceu por 2-1 em casa da Sampdoria, reduzida a 10 por expulsão do uruguaio Gastón Ramirez, aos 45 minutos, com dois golos do equatoriano que já representou o Sporting Felipe Caicedo, aos três e 19 minutos.

A Sampdoria ainda reduziu para a diferença mínima por Fabio Quagliarella, aos 57 minutos, que apesar dos seus 36 anos lidera a lista de melhores marcadores do campeonato italiano, com 23, com dois de vantagem sobre Krzysztof Piatek, do AC Milan, e Duvan Zapata, da Atalanta.

A Lazio, no sétimo lugar, com 55 pontos, continua na luta pelos lugares que dão acesso às provas da UEFA – apenas um lugar acima -, enquanto a Sampdoria encontra-se na tranquilidade do nono posto, com 48, a meio da tabela classificativa.

A SPAL, com um golo do brasileiro Felipe, aos 36 minutos, esteve em vantagem na receção ao Génova, que não ganha há seis jogos, desde que derrotou a Juventus (2-0), mas o empate 1-1 surgiu pelo suplente Gianluca Lapadula, aos 56.

Já matematicamente despromovido, o lanterna-vermelha Chievo conquistou pontos pela segunda semana consecutiva ao empatar a 1-1 na receção ao Parma, do português Bruno Alves, que se adiantou pelo eslovaco Juraj Kucka, aos 38 minutos, mas permitiu o empate por Riccardo Meggiorini, aos 66.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.