A Juventus e Cristiano Ronaldo carpiram as mágoas depois da eliminação da Liga dos Campeões frente ao Ajax. A 'vecchia signora' cumpriu a missão e sagrou-se novamente campeã na Série A, depois de bater a Fiorentina por 2-1.

A precisar apenas de pontuar contra o conjunto viola, a equipa de Turim acabou por se ver em desvantagem bem cedo na partida, à passagem do minuto 6´. Nikola Milenkovic abriu o marcador para a Fiorentina.

O empate chegou na cabeça de um ex-portista. Alex Sandro estabeleceu a igualdade depois de assistência de Pjanic (37´).

Foi com esse resultado que a partida foi para intervalo. Sempre de sorriso no rosto e motivação em alta, afastando os fantasma de uma possível saída, Ronaldo empolgava a equipa com vista à obtenção do segundo golo.

E o tento da vantagem acabaria por chegar passagem do minuto 71´, com ação decisiva do português. Pezzella marcou um autogolo, com Cr7 a ter influência preponderante na jogada.

Depois de ter conquistado o campeonato em Inglaterra e Espanha, Ronaldo conquista o terceiro campeonato no estrangeiro, desta feita na Série A. O defesa português João Cancelo também se sagrou campeão no clube de Turim.

O craque português marcou para já 19 tentos no campeonato e é o melhor marcador da sua equipa.

A Juventus soma a oitavo 'scudetto' consecutivo, inédito em Itália, num domínio avassalador do conjunto de Turim, que passa assim a somar 87 pontos em 33 jogos. O Nápoles conta com 67, em 32 partidas.

Recorde-se que o jogador português já tinha conquistado este ano a Supertaça italiana.

Artigo atualizado às 19h46.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.