O Nápoles recebeu hoje a Udinese e impôs-se por 4-2, num jogo com quatro golos na primeira parte e em que esteve em destaque o futebolista belga Dries Mertens, autor de um tento e duas assistências.

O jogo parecia bem encaminhado para a formação napolitana quando, aos 17 minutos, o atacante alemão Amin Younes adiantou a equipa da casa no marcador, aproveitando uma boa assistência de Mertens, que foi também responsável pelo último passe para o 2-0, da autoria do espanhol José Callejón.

A perder por 2-0, a Udinese partiu em busca da recuperação e espantou o Estádio San Paolo quando conseguiu igualar a partida no espaço de seis minutos. Primeiro, à meia hora de jogo, o italiano Kevin Lasagna reduziu para 2-1, e logo a seguir o costa-marfinense Seko Fofana fez o empate com que chegou o intervalo.

Apesar de ter sido surpreendido pela capacidade atacante da Udinese na primeira parte, o Nápoles entrou decidido em voltar a ficar em vantagem, e o 3-2 chegou aos 57 minutos por intermédio do goleador polaco Arkadiusz Milik, desta feita, após assistência de Callejón.

E aos 69 minutos Mertens também faturou e fixou o resultado final em 4-2, que permite que o emblema do sul de Itália acumule agora 60 pontos e reduza a distância para a Juventus (75 pontos), que perdeu horas antes em casa do Génova por dois golos sem resposta.

Nos outros encontros do dia em Itália, a Atalanta cedeu um empate em casa frente ao último classificado da liga italiana, o Chievo (1-1), o Empoli bateu o Frosione por 2-1, e a Lazio bateu o Parma por 4-1.

O eterno 'derby della Madonnina', que opõe o AC Milan ao Inter de Milão, quarto e terceiro classificados na Serie A, respetivamente, também se joga hoje em San Siro.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.