O treinador Lorenzo D’Anna foi hoje despedido pelo Chievo, 20.º e último classificado na Série A, naquela que é a primeira ‘chicotada’ da época no campeonato italiano de futebol.

A saída de Lorenzo D’Anna acontece dois dias depois de o Chievo sofrer nova derrota – a sexta, em oito partidas disputadas na prova -, na visita ao AC Milan, por 3-1.

A equipa de Verona, que tem apenas dois empates e ainda não venceu na prova, segue no último lugar, com um ponto negativo, devido ao facto de ter iniciado o campeonato com menos três pontos, penalização aplicada por fraude contabilística.

Lorenzo D’Anna, que foi jogador do Chievo durante grande parte da carreira e que treinava os juniores, assumiu o comando da equipa em abril, após o despedimento de Roland Maran, conseguindo a manutenção, com três vitórias em três jogos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.