Fernando Santos não ficou satisfeito pela forma como Portugal não conseguiu vencer a Tunísia, no primeiro dos três jogos amigáveis antes de embarcar para a Rússia. Na zona de entrevistas rápidas, o técnico disse à RTP que Portugal não podia ter jogado como jogou depois de ter feito o 2-0.

Análise ao jogo: "O resultado não era de certeza, queria ganhar. Empatar não é um bom resultado e nunca será. Vínhamos para ganhar o jogo, interpretámos muito bem o jogo, uma equipa rápida, com boa circulação, com o domínio total do jogo. Depois do 2-0 começámos a cometer mais erros, coletivamente. A partir do segundo golo permitiu que o adversário fizesse o golo. Tínhamos que abordar o lance do primeiro golo de forma diferente. A equipa está a sofrer golos de uma forma anormal, temos que pensar nisso".

Portugal pior na segunda parte: "Entrámos a permitir que a equipa da Tunísia saísse a jogar. Tivemos uma oportunidade fantástica, não fizemos o 3-1 e acabámos por sofrer o segundo golo. Defensivamente não estivemos tão bem. Sofremos o segundo golo num lance que não é normal, desenquadrámos o jogo, não estou muito contente com isto".

Faltou atitude na 2.ª parte? "Os jogadores têm sempre atitude, procuram fazer bem, tenho uma equipa fantástica. A atitude tem a ver com o nosso posicionamento em campo. Se temos o objetivo de ganhar todos os jogos que disputamos, temos de fazer golos".

Estreia de Rúben Dias: "Não falo individualmente dos jogadores".

Ilações retiradas do jogo com a Tunísia: "Agora vou falar com eles sobre isso".

Veja o vídeo

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.