Os atletas da selecção nacional de futebol convocados pela FAF visando o jogo do próximo dia 03 de Agosto com Eswatini, para o CHAN2020, falharam a concentração domingo, em uma das unidades hoteleiras de Luanda, constatou a Angop.

No local estiveram apenas membros do órgão reitor do futebol no país e da equipa técnica, liderada pelo seleccionador Srdjan Vasiljevic, apesar do inicio segunda-feira dos trabalhos, de acordo com o programa federativo.

Uma fonte da FAF afirmou à Angop terem os clubes recebido a convocatória em tempo útil para este compromisso dos “Palancas Negras”, após a participação no CAN2019, que decorre no Egipto, onde foram eliminados na primeira fase.

A ausência dos convocados, todos do Girabola, dada a natureza do CHAN (participam apenas atletas que evoluem nos campeonatos locais), se deve a dificuldade de alguns clubes em dispensa-los, enquanto outros propuseram troca alegando cansaço devido a participação na Taça das Nações.

Por exemplo, o Petro de Luanda, em estágio na África do sul confirmou a dispensa dos atletas apenas cinco dias antes do desafio contra Eswatini estando descartada, desde já, a cedência do defesa Herenilson, alegadamente por cansaço já que esteve no Egipto.

Quanto aos jogadores do 1º de Agosto convocados, nenhum está disponível, de acordo com o clube que sugeriu a integração de outros como o guarda-redes Julião (em substituição de Tony Cabaça), Mona ou Cirilo (Laterais direitos) e Mário (Médio).

Quanto aos atletas do Interclube que integram a convocatória aguarda-se por resposta devido a ausência no país do presidente do clube, Alves Simões.

Eis a convocatória:

Guarda-redes - Tony Cabaça, Lando e Ndulo (Fefesas) - Isaac, Mira, Dany Massunguna, Wilson Gaspar, Simão, Jó, Paizo e Tó Carneiro (Médios) - Herenilson, Macaia, Almeida, Edi Afonso e Ito (Avançados) - DasFaa, Kashi, Zito, Manguchi, Dany, Vá, Mano Caleso, Nelson Luz, Mateus, Yano, Mabululo e Chico.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.