Os Palancas Negras não vão disputar esta quarta-feira um jogo amigável frente aos Bafana Bafana da África do Sul, derradeiro teste de preparação para a disputa da 32ª edição da Taça África das Nações em futebol, a ter lugar de 21 de Junho a 19 de Julho deste ano.

Agendado há mais de uma semana para as 17h30 (menos duas em Angola), na cidade do Cairo, o desafio foi anulado a pedido do seleccionador nacional, o sérvio Srdjan Vasiljevic, que preferiu proteger os jogadores de eventuais lesões, por não terem efectuado nenhuma sessão de treino específico, depois da chegada à capital egípcia, na manhã da última segunda-feira.

De acordo com uma fonte contactada pelo Jornal de Angola, a partir de Lisboa, o treinador lamentou o facto de ter sido obrigado a tomar tal decisão, numa altura em que o país aguarda expectante pela avaliação do grupo frente a um adversário de elevado grau de exigência, depois da vitória por 2-0, no ensaio com a Guiné-Bissau.

A decisão foi tomada na noite de terça-feira após o jantar do combinado nacional. Desde que desembarcou, proveniente de Antenas (Grécia), onde passou em trânsito, ido de Lisboa, foi uma sessão ligeira no ginásio do Radisson Hotel.

Faltou da parte da Federação Angolana (FAF) o arrendamento de recintos para a equipa trabalhar, pois apenas hoje, cinco dias antes da estreia na prova, que acontece na segunda-feira, diante da Tunísia, os Palancas Negras ficam a cargo do Comité Organizador do CAN. Antes disto, todas as despesas com alojamento, transporte e campo de treino são da responsabilidade dos países participantes.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.