O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) interditou hoje o Estádio D. Afonso Henriques por um jogo, mas o Vitória de Guimarães vai recorrer da decisão, disse à Lusa fonte oficial vitoriana.

O recurso para o Tribunal Arbitral do Desporto, disse ainda a mesma fonte, vai ter "efeitos suspensivos", pelo que a equipa vimaranense só vai saber se vai ter de jogar longe do seu estádio após o veredicto desse mesmo recurso.

A decisão do Conselho de Disciplina respeita a um processo instaurado ao Vitória na sequência do jogo com o Sporting de Braga, da oitava jornada da I Liga (1-1), em que foi encontrado, pela PSP, material pirotécnico numa sala do D. Afonso Henriques.

No âmbito do processo, a mesma fonte confirmou ainda que os vimaranenses foram condenados a pagar uma multa de 36.000 euros e a indemnizar o Sporting de Braga em 11.000 euros, pelos danos causados no autocarro, aquando da chegada da equipa 'arsenalista' ao estádio vitoriano.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.