O jornal Correio da Manhã avança esta terça-feira que o Tribunal Arbitral do Desporto considerou as classificações dos árbitros e árbitros assistentes da I Liga e II Liga em 2017/18 ilegais, o que pode abrir uma porta para a impugnação do campeonato que agora terminou.

Segundo escreve o referido diário, a Federação Portuguesa de Futebol será agora obrigada a indemnizar os visados uma vez que já não é possível a reintegração destes árbitros.

O mesmo diário avança ainda que a decisão do TAD abre a porta à impugnação do campeonato 2018/2019 uma vez os juízes não tinham título jurídico para arbitrar nesta época.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.