FC Porto restabeleceu hoje a vantagem de seis pontos na liderança da I portuguesa de futebol sobre o perseguidor Benfica, ao vencer por 5-0 o Belenenses SAD, em jogo da 30.ª jornada da prova.

Confira as declarações de Sérgio Conceição, treinador do FC Porto.

O jogo: "Na primeira parte podíamos ter feito mais. Quando a equipa não está bem, o processo ofensivo também não sai bem. Era preciso ter mais bola. Marcámos um golo, fizemos o segundo que foi anulado, mas não vi as imagens. No final, fizemos cinco golos, mas penso que foi um resultado demasiado volumoso para o que o Belenenses fez, principalmente na primeira parte."

O que falta para ser campeão: "Temos de pensar no Tondela, são os próximos três pontos e temos de nos concentrar. Não vale a pena pensar muito no que falta jogar, no fundo vai complicar a nossa concentração."

O adversário: "Sabíamos como o Belenenses iria apresentar-se, na dinâmica e no sistema. O importante era sermos fiéis ao que somos. Faltou-nos algum discernimento com bola na primeira parte, mas no global acabámos por fazer um jogo muito interessante. Dou os parabéns a todos, mas principalmente a um menino que fez o seu primeiro golo pela equipa principal."

Golo de Fábio Vieira: "Tenho testemunhas no banco que podem comprovar que, a partir do momento em que o Alex decidiu não bater o livre, eu concordei. É isso que eu quero, quero personalidae e caráter. Fica esse momento do Fábio Vieira de personalidade e caráter. Tem de se ter essa personalidade para jogar no FC Porto. Fico mais chateado se ele não correr na transição defensiva. Não ficava aborrecido se a bola não entrasse."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.