O treinador do FC Porto realçou o “jogo infeliz” que castigou o FC Porto, que acabou derrotado por 2-1, no Estádio do Dragão.

“Foi um jogo ingrato. Até aos 15 minutos custou-nos a encaixar na forma de jogar do SC Braga, depois optámos por baixar o Danilo para dar liberdade aos laterais e conseguimos criar mais situações de apuro para o SC Braga. A partir daí fomos superiores até aos 85 minutos, com dois penáltis falhados pelo meio, mas, mesmo depois disso, com caráter para ir à procura do golo. Tivemos situações que podíamos ter finalizado de outra forma e depois, num canto que surge do nada, aparece o segundo golo do SC Braga”, começou por dizer o treinador do FC Porto na entrevista rápida da Sport TV.

“Não merecíamos perder pontos, merecíamos ganhar, quanto mais perder… Já o empate era curto, mas o futebol é isto. Estamos todos insatisfeitos e vamos à procura de fazer uma segunda volta onde não podemos cometer nenhum deslize porque pode custar caro”, acrescentou.

O FC Porto sofreu hoje a segunda derrota na I Liga portuguesa de futebol, ao perder em casa com o Sporting de Braga por 2-1, num embate da 17.ª jornada em que desperdiçou duas grandes penalidades.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.