Ricciardi: "Não estamos a criar nenhuma candidatura"

Através das redes sociais, Ricciardi negou a possibilidade de 'forçar' eleições.
Ricciardi:
O candidato à presidência do Sporting Clube de Portugal (SCP), José Maria do Espírito Santo Silva Ricciardi, fala durante uma entrevista à agência Lusa, na sua sede de campanha, em Lisboa, 28 de agosto de 2018. As eleições para a presidência do clube realizam-se no próximo dia 08 de setembro. (ACOMPANHA TEXTO 03 DE SETEMBRO DE 2018). ANTÓNIO COTRIM/LUSA © 2018 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

Esta terça-feira, a imprensa nacional avançou que o antigo candidato à presidência do Sporting, José Maria Ricciardi, crítico da gestão de Frederico Varandas, teria formado um grupo de trabalho para preparar a sua recandidatura à liderança do Sporting nas próximas eleições.

Através das redes sociais, Ricciardi negou a possibilidade de 'forçar' eleições.

"Ao contrário do que a imprensa Portuguesa diz, não estamos a criar nenhuma candidatura. Não queremos provocar eleições nem é o momento oportuno para tal. Queremos sim que o nosso Sporting esteja unido e juntos vamos erguer este clube com grande ambições. Vamos unir o nosso Sporting, apoiar todos aqueles que acreditam no Sporting. Eu acredito!", escreveu o antigo candidato.

Recorde-se que Ricciardi ficou em terceiro lugar nas eleições mais concorridas de sempre do clube (22.510 votantes), que ocorreram em setembro de 2018, com 14,55% dos votos, atrás de João Benedito (36,84%) e de Frederico Varandas (42,32%).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Neste artigo

Veja também

 
 

Comentários

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.