Pizzi foi eleito melhor jogador da I Liga para a versão portuguesa do site da UEFA. O médio do Benfica terminou a época 2018/2019 com 13 golos e 19 assistências na prova, batendo assim a "feroz concorrência" de Bruno Fernandes.

"A enorme influência de Pizzi para ajudar o Benfica a sagrar-se campeão revelou-se determinante, já que em termos estatísticos ambos brilharam ao nível de golos e assistências: o médio das "águias" somou 13 tentos e 18 assistências, enquanto o dos "leões" contabilizou 20 remates certeiros e 12 passes para golo. O camisola 21 do Benfica melhorou sobremaneira os números da época passada (6 golos e 6 assistências) e alcançou o melhor registo nestes dois capítulos desde que representa o Benfica", pode ler-se no site da UEFA.

Recorde-se que o Benfica domina o onze ideal da I Liga para a versão portuguesa do site da UEFA, com sete futebolistas entre os eleitos, enquanto o FC Porto tem três e o Sporting um.

Os defesas ‘encarnados’ André Almeida, Ruben Dias e Grimaldo partilham o setor com o portista Éder Militão, que tem o companheiro Iker Casillas na baliza.

Pizzi e Rafa Silva repartem o meio campo com o portista Herrera e o sportinguista Bruno Fernandes, segundo melhor marcador do campeonato e o médio mais goleador da Europa, com 20 tentos.

O ataque fica entregue aos benfiquistas João Félix e Seferovic, melhor marcador da prova, com 23 remates certeiros.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.