O treinador do Belenenses SAD, Petit, disse hoje esperar duas equipas “a procurar a baliza e à procura de golos” no duelo com o Famalicão, da 24.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Em conferência de imprensa de antevisão à partida de domingo, Petit avaliou o Famalicão como tendo “qualidade, juventude e irreverência, com um processo de jogo muito bem definido”, mas sublinhou que o Belenenses SAD está preparado para os problemas que a equipa de João Pedro Sousa poderá causar.

“Sabemos aquilo que o Famalicão nos pode criar, mas também temos de olhar para aquilo que queremos fazer. São 90 minutos e, acima de tudo, quem estiver mais concentrado, mais disponível e com mais confiança, vai vencer este jogo”, afirmou.

Petit encontrou semelhanças entre o Rio Ave, adversário na ronda anterior, e o Famalicão, descrevendo-as como “duas equipas que gostam de ter bola”, e apontou que “é sempre importante” ter consistência defensiva, referindo-se aos dois últimos jogos, sem golos sofridos, do Belenenses SAD (0-0 com o Rio Ave e 1-0 com o Marítimo).

O Belenenses SAD atravessa um bom momento na temporada, com sete pontos conquistados nas últimas três jornadas, que permitiu aos lisboetas distanciarem-se da zona de despromoção, e Petit explicou as razões para a fase positiva da equipa.

“A equipa vem com os processos bem definidos, as linhas bem juntas, compacta, a saber as linhas do jogo. [Na jornada passada] Foi um jogo onde tivemos um bloco muito junto, muito solidários uns com os outros. Do outro lado, temos um adversário difícil, nos lugares cimeiros, mas queremos dar continuidade aos bons resultados”, frisou.

A contratação de Rúben Amorim para o Sporting, que pagou 10 milhões de euros pelo treinador ao Sporting de Braga, também mereceu um comentário de Petit, que não considera “normal essas transferências”.

“Somos um país pequeno, mas temos muita qualidade no que fazemos. Quando se paga um valor desses, é porque se confia nesse treinador e espera-se que tenha sucesso. Não é normal essas transferências”, disse.

O guarda-redes Koffi e os defesas Eduardo Kau e Diogo Calila continuam indisponíveis, por lesão, enquanto o capitão Gonçalo Silva e o ‘reforço’ de janeiro Ricardo Ferreira estão em dúvida para a partida. Cafú Phete, emprestado pelos famalicenses, também está ausente.

Belenenses SAD e Famalicão defrontam-se no domingo, às 15:00, em jogo da 24.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, no Estádio Nacional, em Oeiras, com arbitragem de André Narciso, da Associação de Futebol de Setúbal.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.