Pedro Madeira Rodrigues questionou o que é que o Sporting ganhou após as declarações de Bruno de Carvalho. Num longo texto, o antigo adversário do atual presidente do clube leonino nas eleições esclareceu que a 'caça às bruxas' que existe no Sporting vai continuar e ser reforçada.

"Vamos agora ver se a vergonhosa 'caça às bruxas' será reforçada, sendo que já existem mais meios formais para o fazer. Felizmente temos um Presidente da AG isento que nos deu as maiores garantias quanto ao funcionamento regular da AG que, pelo que me foi chegando e tal como a última, voltou a envergonhar o nosso clube, sobrando de positivo apenas a satisfação de uma grande adesão dos sócios. Ao menos hoje não teremos mais lamentáveis posts 'choramingas', mas infelizmente sobraram fanfarronices e atitudes divisionistas. Foram abertas várias feridas entre a família sportinguista e criados ainda mais inimigos externos. O que é que ganhamos com isto?", pode ler-se no jornal O Jogo.

O antigo candidato à presidência do Sporting diz ainda que os resultados desta noite tiram qualquer oportunidade da gestão de Bruno de Carvalho desculpar resultados que possam ser negativos. Para Madeira Rodrigues, nasceu um novo Sporting.

"A grande vantagem é que agora já não haverá desculpas para eventuais resultados negativos. Hoje houve um Sporting que morreu e nasceu outro bem diferente como até Bruno de Carvalho já reconheceu".

A continuidade dos órgãos sociais foi aprovada hoje em AG com 89,55% de votos favoráveis, numa reunião magna com a presença de quase 6.000 sócios. As alterações aos estatutos tiveram o aval de 87,3% e as mudanças ao regulamento disciplinar receberam a aprovação de 87,8%, ambos bem acima da maioria de três quartos exigida pelos estatutos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.