As palavras de Bruno Lage na conferência de imprensa após a partida com o V. Setúbal.

Sobre a exibição de Pizzi

"Oferecer golos aos colegas é uma característica dele. É um jogador de equipa, está disponível para jogar e estar no banco e corresponde da melhor maneira."

Zangado com os erros defensivos?

"Uma coisa é estarmos a falar sozinhos no banco, a falar e a refletir e temos que processar muita informação. O único erro que identifiquei foi o posicionamento no segundo golo. A forma como entrámos em campo e as oportunidades que criámos. Não estávamos (posicionados) no sítio certo. Quando o golo acontece senti-me mais triste e a olhar para aquele momento. Estávamos a dar constantes oportunidades de golos. Perdemos o nosso equilíbrio que origina o golo do Vitória. O jogo é de erros. Fizemos uma recuperação fantástica no 3-1. Às vezes estamos calmos e serenos, mas em função do que é o jogo podemos pensar mais alto. Corrigiu-se o posicionamento e entrou-se na segunda parte da melhor maneira."

Rafa queixou-se do cansaço?

"Viram o Rafa a correr de uma área para a outra durante 90 minutos?", questionou.

Aos 19 anos, João Félix já sabe tudo?

"Ele ainda me está a dever golos? É deixá-lo jogar. Marcou três golos na Liga Europa, no outro dia está a jogar 'teqball' com os iniciados. É deixá-lo o mais tranquilo possível, é o que lhe meto a pressão para marcar dois golos por jogo".

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.