Nas primeiras palavras como jogador da Briosa, em exclusivo para o sítio oficial dos ‘estudantes’, Hugo Morais mostrou-se "bastante feliz por representar um clube histórico, com grandes pergaminhos no futebol, e prometeu "dar tudo em campo".

O mais recente reforço da Académica afirmou ainda que é "mais um" a ajudar a equipa a atingir os objectivos e adiantou que a Briosa vai lutar sempre pela vitória.

"A equipa manteve a espinha dorsal e eu sou mais um para ajudar. O ano passado a Académica praticava um futebol atractivo e com os jogadores que vêm queremos lutar pelos três pontos em todos os jogos, seja em que campo for. O objectivo é sempre esse”, concluiu o experiente médio.

Depois de oficializadas as contratações de Peiser e Pape Sow, Hugo Morais torna-se assim o terceiro reforço da ‘Briosa’ para a próxima temporada.

Hugo Eduardo dos Santos Morais, de 32 anos já actuou em clubes como o Marítimo, Desportivo das Aves, Barreirense e Leixões, sendo neste último que ganhou maior protagonismo, afirmando-se como um dos jogadores chave do plantel, apesar de a equipa do Norte ter descido à Liga de Honra.

Após as saídas de Lito, Cris, Paulo Sérgio e Jonathan Bru, o técnico Jorge Costa disse esperar ainda outro médio, que poderá ser Diogo Melo (ex-Portimonense), além de um avançado, sendo o desejado João Ribeiro, que esteve emprestado ao emblema de Coimbra, na época passada, pelos cipriotas do Fenaros 2000.

A sua continuidade em Coimbra está ameaçada por um processo movido pela Naval 1º de Maio, que reclama cerca de 300 mil euros à Académica ou ao clube que o contratou por direitos de representação sobre o jogador.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.