FC Porto goleou o Vitória de Setúbal por 4-0, naquela que é a primeira vitória dos 'dragões' na prova. Depois das derrotas com Gil Vicente na ronda inaugural e com o Krasnodar na passada terça-feira, que deixou o FC Porto fora da rota dos milhões, a equipa de Sérgio Conceição deu uma grande resposta, numa exibição sólida onde brilhou Zé Luís: o cabo-verdiano marcou três golos e esteve envolvido no outro tento de Luíz Diáz. Na próxima jornada o FC Porto defronta o Benfica na Luz.

Veja as melhores imagens do jogo

As duas derrotas seguidas, a última em casa que afastou o FC Porto da Liga dos Campeões, pedia uma resposta contundente, antes da visita à Luz. Era importante apagar a má imagem dada nos últimos dois encontros, e foi isso que se viu: um 'dragão' pressionante em todo o campo, a criar perigo pelas laterais e pelo meio, com várias oportunidades de golo e o adversário a ter dificuldades em sair.

Conceição, nada agradado como o que viu frente ao Krasnodar, lançou Romário Baró, Zé Luís e Uribe, nos lugares de Saravia, Nakajima e o lesionado Sérgio Oliveira, sendo que o mexicano jogou a lateral direito. O técnico a mostrar que não tem confiança, neste momento, nos três laterais direitos do plantel: Manafá, Saravia e Tomás Esteves.

Com um Dragão quase cheio, num apoio incessante à equipa, o FC Porto entrou a todo o vapor e, aos 20 minutos, já vencia por 2-0. Makaridze começou por negar o golo a Zé Luís aos dois minutos, o poste evitou o tento de Alex Telles num livre aos nove minutos, num lance em que Marcano recargou para golo mas a defensiva sadina salvou em cima da linha de golo.

Com tanta pressão era uma questão até o primeiro. Apareceu aos 12 minutos, numa 'bomba' de Zé Luís de fora de área, com o seu pior pé (o direito), depois de uma recuperação de bola no meio-campo contrário. Primeira explosão de alegria no Dragão.

Com alguma timidez, o Vitória de Setúbal ia tentando o contra-ataque, quase sempre pela velocidade de Zequinha e Berto. Foi num desses contra-ataques que um corte mal feito de Danilo deixou a bola em Hachaidi dentro da área: o remate de do avançado marroquino foi travado por Marchesín com uma grande defesa.

Mas a noite era de Zé Luís. Aos 20 minutos, o avançado cabo-verdiano apareceu ao segundo poste em voo, a cabecear para o 2-0, num bonito gesto técnico, após livre de Alex Telles que ainda desviou num jogador sadino. O primeiro tempo terminava com muito futebol, dois golos, um 'tiro' de Danilo a 'aquecer' as mãos de Makaridze e um 'dragão' mandão: 13 remates contra dois e quase 70 por cento de posse de bola.

Sandro Mendes, que não podia contar com o castigado Semedo e que viu partir o capitão Vasco Fernandes, teve de mexer, retirando o apagado Leandro Vilela (ocupava o lugar de Semedo) e lançando Carlinhos, um jogador de cariz mais ofensivo, para tentar entrar no jogo. A mexida permitiu ao Vitória ter mais bola no início do segundo tempo, com o FC Porto também menos pressionante, a trocar a bola sem acelerar o jogo, convidando os sadinos a subir no terreno.

Só que não havia mexidas capazes de estragar a noite ao 'Zé do Golo'. Depois de Danilo falhar o 3-0 aos 56, Zé Luís saltou mais alto que toda a gente e fez o 3-0, de cabeça, aos 63, após canto de Alex Telles. E, no minuto seguinte, o cabo-verdiano vai ter participação direita no 4-0 de Luís Diáz, assistido por Marega. O maliano, lançado por Zé Luís, correu para a área até deixar no colombiano, que se estreia a marcar na Primeira Liga, depois de já ter feito um golo ao Krasnodar na terça-feira.

Conceição aproveitou para dar mais minutos e confiança a alguns elementos, lançando Nakajima, Soares e o jovem Fábio Silva.

Até ao final brilharam os guarda-redes: Makaridze evitou um golaço de Nakajima e outro de Soares mas quem esteve a grande altura foi Marchesín. O argentino continua em grande plano e, aos 77, travou os remates de Hachadi e Eber Bessa, este último com ajuda da grave. Duas defesas fantásticas, a mostrar segurança.

O FC Porto soma os primeiros três pontos na I Liga e, na próxima ronda, defronta o Benfica na Luz.

Veja o resumo do jogo

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.