Francisco J. Marques fez mais uma denúncia sobre pedidos de bilhetes ao Benfica. O diretor de comunicação do FC Porto revelou, no programa Universo Porto - da Bancada, no Porto Canal, um e-mail entre Paulo Jorge, coordenador do núcleo de árbitros de futebol do Ave, e Luís Filipe Vieira, presidente do clube 'encarnado'.

Em declarações citadas pelo jornal O Jogo, o dirigente portista afirma que, neste e-mail, os árbitros pedem os bilhetes para a final da Taça de Portugal, entre Benfica e Vitória de Guimarães, ressalvando que são "simpatizantes do Benfica".

"A 20 de abril, o Paulo Jorge, coordenador do núcleo de árbitros de futebol do Ave, sediado em Ronfe, nome que me diz qualquer coisa, pois é a terra do Adão Mendes, envia para a presidência do Benfica um mail que diz o seguinte, entre muitas outras coisas: este núcleo formou 15 novos árbitros, que vão trabalhar com o objetivo de alcançar a primeira categoria. Solicitamos a a amabilidade de solicitar 15 convites para que os nossos associados simpatizantes do Benfica possam assistir à final da Taça, a 28 de maio [Benfica-V. Guimarães].", começa por dizer.

"O que diz este mail é absolutamente escandaloso. Não que os árbitros tenham o seu clube preferido, mas escandaloso que um núcleo peça convites dizendo que é para os simpatizantes do Benfica. Se o Benfica decidir oferecer bilhetes não deve distinguir os árbitros. Haver o pedido e dizerem que é para os benfiquistas não pode acontecer", afirmou o diretor de comunicação do FC Porto, que pede explicações à APAF

"O que é que a APAF tem a dizer sobre isso? Curiosamente hoje soube-se que os membros do Conselho de Justiça e Conselho de Disciplina estão proibidos de pedir bilhetes para o futebol. Mérito sabem de quem? Nosso. As nossas denúncias é que os levaram a isto. Há práticas incompreensíveis. Esta é uma delas. É uma vergonha. Mail para Luís Filipe Vieira? Nem é para o Benfica, é para o presidente. Vieira tem uma influência muito comprometedora na arbitragem portuguesa. Gostava de saber a opinião da APAF. A APAF tem a obrigação de defender e saber o que os árbitros que não fazem isto, pensam sobre estas práticas. Ah, sabem quem é o presidente da AG do núcleo? É o Renato Mendes, filho do Adão Mendes", refere.

Jornalistas podem não ter colaborado com Carlos Janela

Francisco J. Marques também falou do caso do blogue Verdade Desportiva, um portal que terá sido proposto por Carlos Janela a Luís Filipe Viera, composto por jornalistas de vários órgãos de comunicação social.

Segundo avança o jornal Record, o dirigente acredita que Carlos Janela é culpado desta tentativa de corrupção, retirando as culpas dos profissionais de media.

"É evidente que o email é completamente verdadeiro. Após a sua divulgação, na semana passada, os visados negaram alguma vez terem sido contactados, aceitado ou colaborado com o Benfica. Não tenho razões para duvidar disso. Acredito na inocência das pessoas e que estejam a ser vítimas do Carlos Janela. Até porque o passado de Janela é nada recomendável, ligado a coisas de corrupção", referiu.

"Há uma coisa garantida e possível de comprovar. O email foi enviado pelo Janela. Existe e teve de circular pelos servidores da PT e da Microsoft. Há dados que atestam que o email passou por lá. E existem também dados, um rasto possível de confirmar, de que foi enviado de uma conta para a qual é preciso entrar com o endereço do Carlos Janela e com a sua password. Por isso, o que ele está a dizer é falso. Não foram uns maluquinhos ao seu computador, entrando à pressa e usando a sua técnica de criar um blogue antes de haver internet..."

O diretor de comunicação dos 'azuis e brancos' também diz que Janela não engana ninguém sobre aquilo que fez.

"Janela quer enganar quem? Toda a gente percebeu que isto é completamente verdade. O que está em causa, aqui, é a prática do crime de corrupção. Pelo menos na forma tentada. Janela tem razão só numa coisa. Estamos no âmbito do grande crime, só que o criminoso é ele."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.