A entrada de Florentino no meio campo encarnado é a principal novidade no onze de Bruno Lage para a partida com o Desportivo de Chaves.

Perante a ausência de soluções no centro da defesa, Samaris junta-se a Rúben Dias no centro da defesa.

Crochia também é novidade no lado direito da defesa e vai fazer a sua estreia no campeonato.

Veja o alinhamento das duas equipas:

Onze do Benfica: Vlachodimos; Crochia, Rúben Dias, Samaris e Grimaldo; Pizzi, Florentino, Gabriel e Rafa, Seferovic e João Félix.

Onze do Chaves: António Filipe; Paulinho, Maras, Campi e Luís Martins; Gallo e Jefferson ; Macedo; Costinha e Luther; Platiny.

Suplentes do Benfica: Zlobin, Yuri, Gedson, Zivkovic, Cervi, Jota e Jonas.

Suplentes do Chaves: Kuspiosz, Filipe Melo, Ghazaryan, Bressan, André Luís, Djavan e Colasan.

O Benfica procura hoje reaproximar-se do líder FC Porto, na receção ao Desportivo de Chaves, no fecho da 23.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Os ‘encarnados’, que na quinta-feira garantiram o apuramento para os oitavos de final da Liga Europa, perante os turcos do Galatasaray, vêm de sete vitórias no campeonato e recebem os flavienses, às 21:15, em vésperas de jogarem com os ‘dragões’, na próxima ronda da prova.

Na sexta-feira, os portistas venceram em Tondela (3-0) e aumentaram para quatro os pontos de vantagem sobre o segundo colocado (57 contra 53).

Sem o central Ferro, expulso no triunfo na Vila das Aves (3-0), e os lesionados Jardel, Fejsa e Salvio, além do nigeriano Ebuehi, Bruno Lage deve apostar no regresso do argentino Conti ao centro da defesa, diante do ‘aflito’ Desportivo de Chaves, que ocupa o 17.º e penúltimo posto da I Liga.

A ‘retoma’ dos transmontanos parecia estar em ‘marcha’, com os triunfos sobre Portimonense e Marítimo, mas seguiram-se dois desaires, com Sporting de Braga e Boavista, que mantiveram a equipa em zona de despromoção.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.