O Conselho de Arbitragem (CA) da Federação Portuguesa de Futebol fez uma participação ao Conselho de Disciplina, liderado por José Manuel Meirim, na sequência das declarações de Vítor Hugo Valente, presidente do Vitória de Setúbal, após o jogo com o Boavista.

Segundo afirmou uma fonte do CA ao jornal Record foi feita uma participação imediata das declarações do dirigente ao Conselho de Disciplina da FPF, à semelhança do que já aconteceu em outros episódios idênticos.

"O que aconteceu aqui não foi uma vergonha mas, sim, um nojo. O senhor Veríssimo, a quem não chamo árbitro para não desrespeitar a classe, foi um carteiro que fez uma encomenda neste jogo. Sabemos o que se passou e isto não vai ficar por aqui", afirmou Valente no final da partida.

O Vitória de Setúbal, recorde-se, perdeu esta segunda-feira contra o Boavista, por 0-3, num jogo marcado por três expulsões para o lado sadino, invasão de campo e muita contestação nas bancadas.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.