Bruno Lage cumpriu, ontem em jogo com o Marítimo, o seu 50º jogo ao serviço do Benfica, somando todas as competições. Com este número redondo, o treinador tornou-se no segundo mais rápido da história do clube a chegar aos 100 golos marcados na I Liga.

Na temporada 1963/64, o técnico húngaro Lajos Czeizler conseguiu-o nos 26 encontros do campeonato, atingindo o impressionante registo de 103 golos apontados. Com a goleada aos madeirenses, Bruno Lage conseguiu os 101 tentos em 30 desafios no campeonato. Lipo Herczka, outro húngaro, entre 1936 e 1939, necessitou de 31 encontros para chegar à centena de golos marcados.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.