O extremo português Bruma já não vai ser reforço do FC Porto, depois de ter estado quase certo o seu ingresso nos azuis e brancos. A informação foi confirmada à TSF pelo empresário Cátio Baldé.

O jornal A Bola avançou esta quarta-feira na sua edição online que a proposta de FC Porto e PSV por Bruma era de 15 milhões de euros, mas o jogador preferiu seguir para o emblema holandês que oferecia melhores condições salariais.

De acordo com a mesma fonte, dirigentes do clube holandês estiveram, na noite desta terça-feira, em Lisboa reunidos com o jogador português e o seu empresário, sendo que o clube de Eindhoven apresentou uma proposta superior à dos 'dragões'. A viagem relâmpago dos emissários do PSV valeu a contratação de Bruma, que vai assinar por cinco temporadas.

Ainda segundo o diário desportivo, a SAD portista foi apanhada desprevenida, pois apesar dos esforços, não conseguiu convencer Bruma a mudar-se para o Dragão.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.