Yannick Bolasie, um dos reforços de verão do Sporting, promete dar tudo nesta passagem por Alvalade.

Em entrevista ao jornal ‘Record’, o extremo deixou elogios aos adeptos 'leoninos' e promete-lhes dar mais do que o seu melhor de 'leão' ao peito.

"(...) são adeptos muito apaixonados e preocupam-se muito com o clube. (...) Essa é uma das razões para um jogador como eu querer vir para o Sporting, porque os adeptos são apaixonados. Nota-se que são dedicados. A única coisa que posso dizer e prometer, em meu nome, é que vou dar 110% em cada jogo", declarou Bolasie.

O jogador acredita, com base no que viu nos primeiros treinos com a equipa, que o Sporting tem qualidade para a vencer a Liga Portuguesa mas que a missão é complicada.

“(…) não podemos esquecer que a Liga Portuguesa tem outros clubes gigantes, mesmo que não gostem que diga isto, clubes como o Benfica que tem uma boa equipa, o FC Porto, o Sp. Braga…. Não vai ser um passeio (…)”, frisou o extremo.

À chegada a Alvalade, revelou a felicidade que o seu pai sentia em vê-lo jogar pelo Sporting, até porque o próprio jogador já conhecia o clube desde infância graças ao seu melhor amigo do seu pai.

“O meu pai [Gaby Yala] falava-me muito do clube, porque o melhor amigo dele [Luís Rodrigues] é português e adepto do Sporting. (…) O amigo dele estava sempre a falar-lhe do Sporting. O Sporting isto, o Sporting aquilo, o Sporting, o Sporting, o Sporting, Portugal [risos] O meu pai foi sempre acompanhando [o Sporting] por causa disso.”, explicou.

O jogador de 30 anos, que recusou propostas chegadas da Rússia, chegou a ser pago por cada golo que marcava em hambúrgueres quando passou pelo Hillingdon Borough, em Inglaterra, no inicio da sua carreira.

Agora e após a lesão que o deixou de fora durante muito tempo, Bolasie quer prolongar as boas sensações que sentiu na última época ao serviço do Aston Villa e espera que Frederico Varandas lhe tenha de pagar muitos hambúrgueres ao longo da época.

“Quando se começam a fazer jogos atrás de jogos recuperamos esse entusiasmo, de estar novamente a jogar e é uma sensação fantástica. Por isso, espero que o presidente tenha de me pagar dez ou mais hambúrgueres [risos]”, brincou o reforço do Sporting.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.