O Benfica venceu, este domingo, o Moreirense por 4-0, em jogo da 26.ª jornada do campeonato português, disputado no Parque Desportivo Comendador Joaquim de Almeida Freitas, na vila de Moreira de Cónegos. O Benfica já foi para o intervalo em vantagem, graças aos golos de João Félix (37’) e Samaris (43’), alargando a vantagem na segunda parte, com golos de Rafa (48’) e Florentino Luís (83’). Equipa de Bruno Lage volta a subir ao primeiro lugar da I Liga, com os mesmos 63 pontos do FC Porto, mas com vantagem no confronto direto.

O treinador do Benfica voltou a apresentar a equipa inicial mais utilizada desde que assumiu o comando técnico do Benfica, à exceção de Seferovic, que continua a recuperar de lesão. Grimaldo, Samaris, Jonas e João Félix regressaram às opções iniciais. Yuri Ribeiro, Fejsa, Zivkovic e Jota, que alinharam frente ao Dínamo de Zagreb, ficaram de fora.

Moreirense esteve muito bem durante a partida, principalmente nos minutos iniciais, tendo lutado 'taco a taco' com o Benfica, justificando o porquê de estar a fazer uma excelente época. Logo aos 22 minutos, num cruzamento/remate de Bilel, a bola acabou dentro da baliza de Odysseas, mas o árbitro já tinha apitado o fora de jogo de Arsénio, que apareceu ao segundo poste e perturbou a visão do guarda-redes encarnado.

Logo de seguida, numa jogada de Rafa a desmarcar Pizzi na direita, este meteu em Jonas, que ajeitou e atirou para o fundo das redes. Porém, Nuno Almeida recorreu ao VAR- sem visionar as imagens - e anulou o lance por fora de jogo de Pizzi na altura do passe.

Aos 37 minutos, a história seria outra e o Benfica passaria para a frente no marcador. Num passe de Grimaldo, Ivanildo falhou o corte e o João Félix, que estava nas costas do defesa do Moreirense, atirou para o fundo das redes de Trigueira.

Pouco antes do apito para o intervalo, num pontapé de canto marcado por Pizzi, Samaris cabeceou forte e certeiro nas alturas, sem hipótese para o guarda-redes do Moreirense.

Já a abrir a segunda parte, Rafa fugiu à defesa do Moreirense, após passe de Jonas, e fez o chapéu na cara de Trigueira, fazendo o 3-0. O guarda-redes do Moreirense ainda tocou, mas a bola seguiu para a baliza e acabou por entrar na mesma.

Nos últimos dez minutos, na conversão de um pontapé de canto marcado por Grimaldo, e depois de alguma confusão na área do Moreirense, Ibrahima tentou o corte, mas tinha Florentino nas costas, que apareceu a finalizar sem dificuldades.

Com este resultado, o Benfica mantém assim a liderança da I Liga, em igualdade com o FC Porto (segundo). O Moreirense, que somou o terceiro encontro consecutivo sem vencer, caiu para o sexto lugar, com 42 pontos, os mesmos do Vitória de Guimarães, que ocupa a quinta posição, que deve dar acesso à Liga Europa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.