Depois de várias semanas de negociações, o Benfica terá desistido da contratação do médio brasileiro Bruno Guimarães.

De acordo com a edição desta quarta-feira do jornal 'Record', Luís FIlipe Vieira, presidente das 'águias', não mexeu na proposta avançada de 20 milhões por 100 por cento do passe do jogador, como o Athletico Paranaense, atual clube do jogador, pretendia, e o negócio caiu por terra em definitivo.

A divergência entre os dois clubes prendeu-se não com o valor de 20 milhões de euros, mas com o facto de o clube brasileiro pretender ficar com 20 por cento dos direitos económicos sobre o jogador, tentando dessa forma lucrar com uma possível futura venda do atleta por parte do Benfica. A turma lisboeta, porém, não cedeu a essa exigência e o impasse não foi ultrapassado.

Bruno Guimarães estará, agora, muito perto de se mudar para França e para o Lyon, com o clube gaulês a ir de encontro às condições pretendidas pelo Athletico Paranaense para abrir mão do centro campista de 22 anos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.