As auditorias à segurança dos estádios onde se realizam jogos da I Liga de futebol são retomadas na sexta-feira, anunciou hoje o Ministério de Administação Interna, que pretende ver o processo concluído até meados de junho.

As auditorias começaram a 26 de fevereiro, promovidas pela Autoridade para a Prevenção e o Combate à Violência no Desporto (APCVD), pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) e pelas forças de segurança, mas foram interrompidas a 10 de março devido aos efeitos causados pela pandemia de COVID-19.

"O Governo - através das áreas governativas da Educação, que tutela o Desporto, e da Administração Interna - decidiu avançar com este processo, num trabalho contínuo e sistemático, de erradicação de fenómenos de violência e racismo, tanto no exterior como no interior dos recintos desportivos", refere a nota hoje divulgada pelo MAI.

As auditorias "permitirão que a próxima época desportiva se inicie com este trabalho concluído", acrescenta.

“Pretende-se acautelar qualquer um dos cenários e regras que venham a ser adotados, em função do evoluir da situação epidemiológica que o país atravessa", lê-se.

Para concluir o processo ainda faltam auditorias aos estádios do Sporting de Braga, Boavista, Famalicão, Paços de Ferreira, Desportivo das Aves, Moreirense, Tondela, Rio Ave, Gil Vicente, Vitória de Guimarães, Portimonense e Farense.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.