O Wolverhampton, de Nuno Espírito Santo, deu hoje importante passo para segurar o sétimo lugar na Liga inglesa de futebol e ter via aberta para uma possível ida à fase preliminar da Liga Europa.

Um golo solitário de Dendoncker, aos 75 minutos, deu a vitória aos ‘Wolves’ diante do já despromovido Fulham, num jogo em que Rui Patrício, João Moutinho, Rúben Neves e Diogo Jota foram titulares.

A equipa mais portuguesa de Inglaterra, que ainda viu entrar Rúben Vinagre e teve Ivan Cavaleiro e Hélder Costa no banco, esteve sempre mais perto de vencer – apesar de menor posse de bola -, com Diogo Jota em evidência.

O triunfo deixa o Wolverhampton na sétima posição, com um jogo por disputar, e na expectativa da campanha do Leicester (9.º), num momento em que os ‘foxes’ estão a seis pontos e defrontam fora o Manchester City e o Chelsea.

Em outros jogos da 37.ª jornada, o West Ham bateu o Southampton, por 3-0, mas com os ‘Saints’ na 16.ª posição e a salvo em relação ao terceiro posto de despromoção, ainda em discussão entre Cardiff (18.º) e Brighton (17.º).

Mais cedo, o Tottenham perdeu fora com o Bournemouth, com Nathan Ake a marcar nos descontos para a equipa da casa, aos 90+1 minutos.

Os ‘spurs’, que jogam na quarta-feira em Amesterdão a segunda mão da meia-final da Liga dos Campeões com o Ajax, com uma desvantagem de 1-0 trazida de Londres, acabaram derrotados e desorientados.

Duas expulsões, de Son Heung-Min, aos 43 minutos, e de Foyth, aos 48, 'aniquilaram' o Tottenham, com a equipa a poder ser ultrapassada ainda no terceiro lugar pelo Chelsea, que recebe o Watford.

Também hoje, o Cardiff recebe o Crystal Palace, com a equipa galesa na luta pela sobrevivência na 'Premier League', e o Liverpool, na corrida ao título, visita o Newcastle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.