Wayne Rooney antigo capitão do Manchester United, saiu em defesa de José Mourinho, considerando que o treinador português está a ser usado como bode expiatório para justificar os erros cometidos pelo clube na contratação de jogadores.

"O treinador pode ser fazer tudo o que está ao seu alcance, mas depois tem a ver com aquilo que os jogadores produzem em campo. O que está a acontecer é, provavelmente, a soma de muitas coisas, mas o José [Mourinho] é um alvo fácil", admite o jogador do DC United, em declarações ao jornal britânico Mirror.

"Eles não têm jogadores mais velhos no plantel. Jogadores que eu, por exemplo, tive quando era mais novo e estava no clube. Esses jogadores podem ajudar os mais novos em momentos difíceis como este", defendeu Rooney.

O avançado inglês considera que os jogadores do United também devem ser responsabilizados pelo mau momento do clube. “Tem sido um arranque de época duro para os jogadores e para o treinador. Sei que o José está a receber muitas críticas, mas os jogadores têm de dar um passo em frente. Têm de ser responsabilizados e têm de fazer melhor”, rematou.

O Manchester United segue no oitavo lugar da Premier League e conteve as críticas crescentes a José Mourinho este fim de semana, com uma vitória frente ao Newcastle, por 3-2, após recuperar de uma desvantagem de 2-0.

“Espero que agora a caça ao homem pare”, disse na conferência de imprensa no final do jogo o treinador português.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.