O Liverpool elevou para 18 o número de vitórias seguidas na Premier League, onde é uma questão de tempo até ser coroado campeão. Em Anfield Road, os comandados de Jurgen Klopp sofreram e muito para levar de vencida o West Ham por 3-2, num jogo onde estiveram a perder por 2-1.

Os 'reds' até entraram melhor, marcado logo aos nove minutos pelo holandês Georginio Wijnaldum, a passe de Trent Alexander-Arnold.

Reação imediata dos 'hammers' que empataram aos 12 por Issa Diop, assistido por Robert Snodgrass. No segundo tempo o espanhol Pablo Fornals, a passe de Declan Rice, deu vantagem aos homens de David Moyes.

Poucos dias depois de ter perdido com o Atlético de Madrid (1-0), na primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, o Liverpool estava ‘tremido’. Parecia que a caminhada vitoriosa do Liverpool ia ter um fim mas Mohamed Salah empatou aos 68, depois de uma asneira monumental do guarda-redes Lukasz Fabianski.

O tento da vitória é da autoria do senegalês Sadio Mané, assistido por Trent Alexander-Arnold, autor de dois passes para golo esta noite. Mané ainda meteu a a bola dentro da baliza do West Ham mas estava em fora de jogo.

Antes do apito final o West Ham teve nos pés o empate mas Jarrod Bowen, lançado por Michael Antonio, rematou contra o corpo do guarda-redes Alisson.

A formação comandada por Jürgen Klopp continua imparável rumo à conquista de um título que lhe foge há três décadas, tendo somado a 26.ª vitória em 27 jogos, a 18.ª consecutiva, sendo que continua invicto na prova.

O Liverpool, que se mantém invicto na ‘Premier League’, lidera o campeonato com 79 pontos, mais 22 do que o Manchester City, que é o segundo colocado. O título é uma questão de dias. Faltam apenas quatro vitórias para os 'reds' serem campeões de Inglaterra.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.