O futebolista internacional brasileiro David Luiz tornou-se jogador do Arsenal a título definitivo, depois de um total de sete anos divididos em dois períodos ao serviço do Chelsea, anunciaram esta quinta-feira os dois clubes da primeira liga inglesa.

Antes da oficialização, a imprensa internacional avançou que o antigo jogador do Benfica teria forçado a saída, mas Frank Lampard rejeitou essa ideia.

"O dia em que David Luiz não treinou, foi uma decisão que eu tomei, porque estávamos no meio disto [possível transferência]. Estávamos em conversas e ficou clara a direção que as coisas estavam a tomar. Mas não foi uma decisão em forma de castigo ou porque houve greve", garantiu o treinador do Chelsea.

Frank Lampard acrescentou ainda que "certamente não houve greves. Tivemos conversas ao longo da última semana, conversas honestas, porque eu conheço bem o David e penso que o desfecho foi que ele seguiu em frente."

No Arsenal, o antigo jogador do Benfica vai voltar a ser orientado pelo técnico espanhol Unai Emery, que treinou o Paris Saint-Germain na temporada 2016/17, altura em que o David Luiz regressou ao Chelsea, duas épocas depois da sua primeira saída.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.