José Mourinho anunciou que Harry Kane, Son Heung-min, Steven Bergwijn e Moussa Sissoko estão recuperados, embora não estejam ainda preparados para voltar aos relvados. A suspensão de mais de dois meses ditada pela COVID-19 veio assim aliviar, de certa forma, a onda de lesões que o Tottenham viveu no início de 2020 e os jogadores até poderão voltar a dar o contributo à equipa em mais jogos do que o inicialmente previsto, caso a Premier League venha mesmo a ser retomada.

"Neste momento não posso dizer que estão preparados para jogar, porque uma coisa é recuperar de lesão e outra é estar preparado para jogar futebol. No caso do Harry, penso que já não joga há cerca de cinco meses, mas nenhum deles continua lesionado", sublinhou ainda assim o técnico português em entrevista à Sky Sports.

Mas Mourinho confirmou que, mesmo tendo em conta as limitações com que o Tottenham e os restantes clubes trabalham atualmente, os quatro jogadores poderão estar mesmo aptos a jogar em breve, ainda que não a 100 por cento. "Estão a treinar, e neste momento todos estamos a treinar com muitas limitações, sem podermos fazer um contra um, mantendo uma certa distância...Mas Harry Kane, Son, Bergwijn e Sissoko estão bem", terminou o 'special one'.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.